01/08/2009

A MISSÃO DE SE TORNAR PERFEITO

Neste mundo nada existe sem uma causa. Tudo tem uma causa. O fato de você ter nascido como um ser humano também tem uma causa e um propósito. Você pode não conhece-la, mas o Ser Supremo a conhece.
A vida é movimento da imperfeição para a perfeição. Quando os objetos inanimados se tornam animados, há progresso. Há mais progresso quando os seres animados se tornam organismos multicelulares, estruturas cada vez mais complexas. O homem é o ser mais elevado, o ser mais perfeito em estrutura. O homem é, assim, um animal aperfeiçoado. Mas isso é o começo do progresso do homem. Ele ainda tem que alcançar mais perfeição física, intelectual e espiritual.
O movimento em direção à perfeição – Deus – é Dharma. O movimento em direção à imperfeição é adharma. O primeiro é vida, o ultimo é morte. O movimento do homem em direção à animalidade não é, portanto, vida, é morte.

Nenhum movimento está livre de fricção ou obstáculos. Mesmo quando você anda, a força da gravidade o estorva. O movimento em direção à perfeição é estorvado por todas as forças da imperfeição, do mal. O pecaminoso, o mundano, o limitado, dificultam todo movimento para a expansão da mente do homem. Mas sendo a perfeição um movimento em direção a Deus, não tema – vá em frente. Os obstáculos irão para o esgoto, ao qual eles pertencem. Você progredirá.
A missão da vida do homem é mover-se em direção à perfeição, em direção a Deus. Isto é Dharma, seu dever. Nesta luta, as forças do mal estão destinadas a serem derrotadas. Isto tem sido um fato ao longo dos anos, e a historia se repetirá.
Você não tem direito algum de descansar até que complete sua missão de ser perfeito, de ser divino, de estabelecer-se na perfeição. O descanso é um pecado, desde que coloca uma parada no movimento. Não descanse até alcançar a meta.

A graça de Bábá - Shrii Shrii Ánandamúrtijii