27/02/2012

A FUTURA ERA DO GELO


A história move-se em ondas rítmicas, em um fluxo sistáltico. Move-se continuamente, de repente dá um salto e volta a mover-se até haver um novo salto, e assim por diante. Ocorrem saltos súbitos, são as eras que marcam época. Estamos agora no limiar desse salto. Na verdade, já atravessamos o limiar de uma nova era. Estamos no limiar de algo novo, da nova era, estamos atravessando essa era. Vocês percebem? Não estamos mais no limiar. Vocês devem estar preparados para grandes mudanças, ou então o equilíbrio será perdido.O movimento em processo não é estável. Deve haver aceleração, constante ou rápida, ou retardo, também constante ou lento. Junto com essa aceleração ou a esse retardo, ocorrem saltos. Antes e após o salto, existe uma alteração biológica, histórica, agricultural e psíquica.

Na história do mundo, houve duas importantes Eras do Gelo do ponto de vista do desenvolvimento da vida. Antes da primeira, quase não havia animais desenvolvidos, somente animais subdesenvolvidos. Era neve e gelo. Após a primeira Era do Gelo, vieram grandes avanços e muitas outras eras. Os animais tornaram-se gigantescos. Após a segunda, os animais gigantescos desapareceram e surgiram outros menores. Vieram os períodos Paleoceno, Eoceno, Oligoceno e Mioceno.

Sabemos que uma outra Era do Gelo está por vir. Ela trará uma mudança completa à estrutura da Terra. Antes dessa era, haverá mudança intelectual e grande mudança biológica nos seres humanos e animais, em toda entidade, animada ou inanimada. Ocorrerão modificações na ordem das estações, na área psíquica, nas esferas sociais, econômicas, políticas e culturais, na estrutura biológica. Tudo passará por uma metamorfose. Os pólos já começaram a mudar de posição. Você está pronto para isso?

Depois da Era do Gelo, ocorrerão alterações nas regiões tropicais e tremendas modificações biológicas. Será criada uma nova ordem. Você percebe que a ordem das estações está mudando e que ela foi abalada? O Pólo Norte aproxima-se das regiões tropicais e o Pólo Sul aproxima-se do hemisfério oeste, no lado oposto da área tropical.

Se no hemisfério leste, o Pólo Norte se move para o sul, e no hemisfério oeste, o Pólo Sul se move para o norte, qual será o efeito na hidrosfera do planeta? O gelo polar se derreterá e o nível dos oceanos se elevará. Isso causará um impacto nas marés de todo o globo. O Oceano Pacífico ficará mais frio e depois congelará. Muitos dos portos existentes se fecharão. Os padrões sazonais mudarão. Chuvas e variações climáticas causarão um impacto sobre a flora e a fauna. Tudo isso junto terá um impacto sobre os processos do pensamento. O número de dias de um ano solar já mudou de 365 para 366, mas o ano lunar não passou de 354 para 355.

Como ser intelectual, você deve estar preparado para essa eventualidade, essas gigantescas mudanças. Antes, o horários dos temporais em Calcutá era das 18:00 às 21:00 da noite. Agora às 16:15, o temporal já começa a se formar. As estações mudam, estão ocorrendo grandes alterações climáticas.

Há algum tempo atrás, povos oprimidos do mundo todo tinham a impressão de que o comunismo era a panacéia de seus problemas. Depois que os líderes comunistas se voltaram contra a humanidade, racionalidade e psicologia humanas, e perturbaram a base mais elementar da civilização humana, as massas passaram a desafiar seus líderes por matarem milhões de pessoas inocentes. Sua queda criou um vácuo que deve ser preenchido pelo intelecto e pela ideologia de vocês, e pelo seu PROUT(1). Tudo isso será alcançado em um futuro próximo. Não pode ser adiado, não existe alternativa.

Por que o marxismo está passando por transformações? Em todas as áreas da vida, devem ocorrer metamorfoses. E as metamorfoses acontecem não apenas no âmbito físico mas também na estrutura psíquica. Mudanças ocorrem rapidamente na área psíquica e em todos os campos de expressão humana. Elas não estão vindo, elas já vieram. Atravessamos o limiar da nova era.

No período Paleozóico, não havia chuvas, não havia água de chuva. O ambiente era gasoso, sem plantas, sem Sarkar Samaj, sem Royalseema Samaj, sem Andhra. Depois, uma parte de Andhra e pequenos animais apareceram, mas ainda não havia área litorânea nem Vishakapatnam, mas havia Medak. Subseqüentemente, surgiu a chuva. Os montes eram cobertos de neve e os rios gelados. Os rios Godavari, Krsna e Kaveri eram puro gelo. Os rios eram uma fonte perene de água mas não existiam seres humanos. Essa é uma idéia da história arqueológica de Andhra Pradesh. Surgiram muitos animais de grande porte: dinossauros, brontossauros, e outros. Em seguida, vieram os períodos Oligoceno e Mioceno. Depois disso, no fim da era Pliocena, apareceram os antepassados do homem. Os primeiros seres humanos surgiram há cerca de um milhão de anos. Daqui a aproximadamente um milhão de anos, não haverá seres humanos neste planeta, as futuras gerações verão apenas os esqueletos fossilizados das gerações atuais.

Tudo neste mundo está se transformando por meio de mutações e transmutações que ocorrem não somente na esfera física mas também psíquica dos seres vivos, assim como na esfera psíquica adormecida dos objetos não-vivos à espera de despertar. Objetos animados e inanimados aguardam expressão. Na esfera psíquica, mudanças gigantescas ocorreram após a primeira Era do Gelo. Surgiram os grandes animais. Depois da segunda Era do Gelo, houve outra mudança de peso, mas os animais eram pequenos. Os mamutes transformaram-se em elefantes. Essa não é a era dos grandes animais e pequenos países, pois é difícil supri-los com alimento. É difícil os pequenos países manterem sua integridade. Depois da segunda Era do Gelo, os mamutes sumiram e vieram os elefantes. Os rios Krsna, Kaveri e Tungabhadra agora integram a península da Índia, mas faziam parte do território de Gondwana, há cerca de 300 milhões de anos. Os seres humanos surgiram há aproximadamente um milhão de anos. Esses são exemplos de mutações e transmutações.

Na era atual, o comunismo desapareceu, deixando espaço para pensamentos e objetivos psíquicos mais elevados. Essa é uma mudança natural, e não catastrófica. Outras filosofias também estão fadadas a desaparecer. Anos atrás, eu andava perto do muro de Berlim e disse que o comunismo precisava acabar. Na época, isso foi como um sonho. O sonho tornou-se uma crua realidade. Essa é uma mudança natural, e não uma catástrofe. Estejam prontos para as mudanças futuras. Elas são naturais. Elas não são uma calamidade ou catástrofe sem precedentes, nem mesmo uma grande adversidade.

24 de março de 1990, Calcutá - Índia

(Do livro "Prout in a Nutshell", Part-XVII, by P. R. Sarkar)
(1) PROUT é a sigla usada internacionalmente para designar a Teoria da Utilização Progressiva, uma filosofia sócio-econômica elaborada para promover o desenvolvimento físico, mental e espiritual dos seres humanos. O objetivo de PROUT é promover as orientações necessárias à implementação de uma sociedade humana verdadeiramente progressista.

PROUT 

É uma proposta alternativa para os modelos sócio-ecônomicos decadentes do capitalismo e do comunismo. Nenhum destes sistemas conseguiu promover o desenvolvimento físico, mental e espiritual da humanidade. PROUT procura o equilíbrio entre crescimento econômico, desenvolvimento social e preservação do meio ambiente, considerando tanto os interesses individuais como coletivos.

Combinando sabedoria espiritual, visão universalista e esforço pela emancipação econômica de populações pobres, os proutistas (seguidores de PROUT) sedimentam uma nova proposta social e plantam as sementes de uma nova forma de viver. Alguns tópicos básicos de PROUT são:

Os seres humanos estão numa jornada que se inicia na animalidade e termina no Estado Divino. O verdadeiro progresso consiste no movimento dirigido para a realização espiritual. As conquistas materiais ou intelectuais não constituem necessariamente progresso a menos que elas contribuam para a realização desse bem-estar mais profundo. O desenvolvimento progressista da sociedade ocorrerá somente através de um contínuo ajuste na utilização dos recursos físicos e das potencialidades mentais, respeitando-se os valores espirituais e neo-humanistas. Para nosso engrandecimento, devemos constituir instituições econômicas e sociais que promovam a realização das nossas potencialidades mais sublimes.

Visão Neo-humanista


O neo-humanismo é um sentimento expansivo, universalista e fraternal que liberta o ser humano das tendências egoístas de se agrupar e criar divisões sociais sob diferentes aspectos (nacionalismo, grupos sociais, racismo, fundamentalismo religioso etc.) e leva-o a abrir a mente para aceitar todos, inclusive animais, plantas e reino mineral, como membros de uma mesma família universal, constituída por um Pai Cósmico único. O neo-humanismo é uma filosofia orientada para o equilíbrio ecológico e para a fraternidade universal.

Democracia Econômica


PROUT defende a democracia econômica baseada em planejamento econômico descentralizado; empreendimento cooperativo; exploração dos recursos naturais e desenvolvimento de indústrias estratégicas pelo governo local; e limitação da riqueza individual, visando ao bem-estar social. Apenas quando houver a descentralização econômica e as populações locais puderem interferir nos rumos da economia local é que haverá a disponibilidade de alimento, moradia, vestuário, assistência médica e educação para todos. Esta é também a única maneira de assegurar que os sistemas ecológicos da Terra não sejam explorados em limites superiores à sua capacidade de renovação. O equilíbrio ecológico é fundamental para garantir a sobrevivência e o bem-estar das populações que dependem desses sistemas.

Garantir as Necessidades Básicas a Todos


No atual estágio da evolução humana, as necessidades básicas da vida devem ser garantidas a todos como um direito fundamental. As pessoas não poderão desenvolver seu potencial humano mais elevado enquanto não tiverem garantido alimento, moradia, vestuário, assistência médica e educação. A política econômica deverá incentivar o sistema cooperativo, com o intuito de estabelecer o pleno emprego; e o valor do salário mínimo deverá permitir a aquisição dos requisitos básicos. O padrão das necessidades básicas evoluirá de acordo com a capacidade produtiva da economia.

Liderança


Para implantar uma sociedade benevolente, é essencial que os líderes tenham princípios morais e que a sua dedicação à sociedade faça parte do seu progresso individual. O poder de decisão não deve estar concentrado na mão de pessoas, mas sim expressado nas lideranças coletivas (comitês sociais). A democracia política só pode ser eficaz se a maioria do eleitorado possuir estes três requisitos: elevado nível de instrução, consciência sócio-econômica e integridade moral.

Liberdade


Os indivíduos devem ter liberdade absoluta para expressar suas idéias, sua criatividade e suas aspirações internas. Tanto a liberdade intelectual como espiritual fortalecem a coletividade. Só se deve restringir as atitudes claramente prejudiciais ao bem-estar coletivo.
Por isso, no que diz respeito à acumulação de riqueza física, deve-se estabelecer uma restrição nessa esfera, pois os recursos físicos são extremamente escassos e sua acumulação ilimitada por alguns resulta em privação para muitos.

Diversidade Cultural


Visando a fraternidade universal, PROUT estabelece programas que protegem e estimulam a cultura, a língua, a história e as tradições das populações locais. A diversidade dos indivíduos e da cultura deve ser encorajada para fomentar a justiça e a ordem social.

Direito das Mulheres


PROUT estimula o combate a todas as formas de violência e exploração usadas contra as mulheres. A meta de PROUT é incentivar a cooperação coordenada e garantir direitos iguais entre homens e mulheres. PROUT defende o desenvolvimento econômico, social e espiritual das mulheres em todo o mundo.

Ciência e tecnologia


O conhecimento científico e a tecnologia são recursos potenciais da humanidade. A utilização apropriada desses recursos permite-nos amenizar as dificuldades do mundo material e desvendar os segredos do universo. Entretanto, o desenvolvimento e a utilização do conhecimento científico devem estar sob a orientação de valores espirituais e neo-humanistas e das lideranças moralistas. Do contrário, a tecnologia poderá ser mal utilizada por capitalistas gananciosos e ávidos de poder, resultando em destruição e exploração.

Governo Mundial


PROUT apóia a criação de um governo mundial baseado em direitos globais, constituição global e código penal comum, para garantir os direitos fundamentais de povos e nações e resolver as disputas regionais e internacionais. Na medida em que for implementada a descentralização econômica, será vantajoso ter um sistema político central, pois este se concentrará em resolver os conflitos políticos e humanos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário